Periodontia

Home Periodontia

Periodontia

A saúde bucal não envolve somente o cuidado e a manutenção dos dentes, outras estruturas são tão importantes quanto eles para o correto funcionamento bucal, em especial destacamos a gengiva. A periodontia atua justamente nos tecidos de sustentação do elemento dental com tratamentos que visam corrigir os problemas dessa região.
Uma das funções da gengiva é de suporte dos dentes ao osso, oferecendo proteção as tecidos dentais para que possamos morder, mastigar e até mesmo falar. Dessa forma, os cuidados com esse tecido são tão importantes quanto aqueles dedicados aos dentes em si, pois um problema gengival pode acarretar a perda de estruturas dentárias.

Tratamentos Periodontais:

  •    EDUCAÇÃO EM HIGIENE ORAL – orientação do paciente sobre a escovação correta e o uso do fio dental.
  •    PROFILAXIA – consiste em uma limpeza que irá remover a placa bacteriana com auxilio de instrumental rotatório e pasta profilática.
  •    RASPAGEM – tratamento realizado para remoção de tártaro ou cálculo dental. Usa-se curetas manuais ou ultrassom.
  •    CIRÚRGICO – limpeza de bolsas gengivais profundas e a remoção de dentes muito comprometidos para evitar que a infecção se dissemine.
  •    ESTÉTICOS – em pacientes com sorriso gengival (excesso de gengiva aparente), permite que o paciente recupere sua autoestima e confiança ao sorrir, repercutindo em mudanças positivas em sua vida pessoal e profissional.

Doenças Periodontais.

É o conjunto de problemas que afetam os tecidos de sustentação dos dentes, desde a gengiva até os ossos, podendo ser inflamatórios ou  infecciosos. Geralmente são causados por falha na higienização bucal, acarretando risco maior para pacientes fumantes e diabéticos.

  • Gengivite – gengiva avermelha, inchada e sensível, com tendência a sangrar durante a escovação, ou seja, uma inflamação da gengiva. Essa condição é o estágio inicial da doença periodontal, surge em função do acúmulo de placa bacteriana que é uma película que se forma nos dentes e na gengiva onde as bactérias liberam ácidos que irritam a região. Além desses sintomas mais evidentes, a gengivite também pode causar retração gengival (aparência mais alongada dos dentes com exposição da raiz), mau hálito, gosto ruim na boca e formação de pus (quando também existe uma infecção).
  • Periodontite – evolução natural da gengivite, quando não devidamente tratada. Nessa fase, a inflamação ou a infecção da gengiva atingem também as raízes e o osso alveolar ao redor do dente podendo até provocar a perda do mesmo. Isso ocorre devido à formação de bolsas na gengiva, que favorecem a destruição desses tecidos e a formação do abscesso dentário. Se não for tratada, os dentes começam a perder sustentação e ficam moles (aumento da mobilidade), culminando com risco de queda, perda dos elementos atingidos. Uma das complicações mais graves e também mais negligenciadas da periodontite, quando não tratada, é a endocardite. Acontece quando uma disseminação bacteriana, proveniente desses focos infecciosos bucais, atinge a corrente sanguínea causando uma infecção nas válvulas do coração. Essa é uma condição bastante séria que pode ser fatal.

Solicitar Agendamento


Transforme o sorriso dos sonhos em realidade!

Os mais modernos tratamentos odontológicos a seu alcance

(84) 3202-2954

No DENTAL HARMONY, oferecemos todos os tipos de tratamentos periodontais, preventivos e corretivos,  para manutenção da saúde dos tecidos periodontais.